Aqui o que importa é a opinião das pessoas.Por isso, você não precisa se cadastrar, nem ter blog, nem ter nome para dar a sua opinião.Mostre o que você acha, converse com os outros visitantes sobre o que você pensa.Quando você começa a pensar, começa a se libertar.

Meu novo livro.

Meu novo livro.
Meu novo livro.Acompanhe no wattpad!
Quando você começa a pensar por si mesmo, naturalmente irá discordar de alguém.Discordar não é errado; errado é concordar sem pensar.
O pensamento livre é a grande arma contras as verdades absolutas.Seja livre:questione tudo.

domingo, 11 de setembro de 2011

Os artistas descartáveis

Eu li uma matéria nesses dias muito interessante, que falava  a respeito dos artistas atuais.Quando digo “artistas”, quero dizer músicos.Vocês já notaram o quanto os músicos atuais estão ficando cada vez mais passageiros? As vezes parece que eles são simplesmente produtos com prazo de validade, ou seja, depois de um tempo não servem mais.

E não é apenas no mercado brasileiro; no mercado norte-americano também está assim.Um certo artista surge: então ele recebe toda a atenção da mídia, faz um grande sucesso, coloca um monte de musicas nas paradas...e depois, ninguém mais quer saber dele.O segundo CD dos artistas geralmente é o início do fim para a maioria.Pois todos os artistas atuais lançam um “bom” CD de estréia, mas quando vão lançar o segundo CD...já não é a mesma coisa.E talvez este seja o segredo dos artistas descartáveis: eles não são bons o suficientes para se manter no topo.

Seu talento é limitado.Acho que para sabermos realmente a capacidade do artista, precisamos analisar os seus feitos depois do primeiro CD.Porque até então, a gravadora dá uma força, a mídia dá atenção porque gosta de novidades e tudo é mais fácil.Mas depois, não há mídia e gravadora que faça milagre: ou você é bom ou não é.

Mas claro que existem exceções.Há aqueles artistas que não fazem um bom segundo CD, mas depois se recuperam; e há aqueles artistas que fazem até mais CDs, mas você percebe que eles só fazem sucesso por algum motivo, digamos...não-musical.Seja pela beleza dos integrantes ou pelas curvas das mulheres.E sabemos que, quando as mulheres ficam muito velhas no showbizz, a mídia não dá muita atenção (e aí elas usam botox, silicone e um monte de coisas para se manterem “jovens”).

Esperamos assim que surjam mais digamos, ”artistas-feijão” ou seja, não perecíveis.Particularmente, estou cansado de ver pessoas sem muito talento surgir e depois sumir.Eles não fazem falta, pois são descartáveis e facilmente substituíveis.Vamos torcer para que  artistas realmente talentosos voltem a surgir, para que a sua obra seja lembrada por várias gerações e não esquecidas de um dia para o outro.





26 comentários:

  1. concordo plenamente com o que vc falou!

    ResponderExcluir
  2. Fazer sucesso é bem mais fácil do que mantê-lo. Também sinto falta de verdadeiros talentos.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, parece que voc~e tirou isso do meu cérebro! Tenho a mesma opinião, e sempre digo isso quando tenho a oportunidade.

    Acho que são poucos os artistas atuais que serão lembrados por muito mais tempo... Sinceramente, acho que nenhum. Lady Gaga, apesar de ser uma modinha passageira, será uma das únicas cantoras que serão lembradas pelas próximas décadas.

    É lamentável, pois muitos artistas de décadas atrás parecem ser inesquecíveis, ainda atuais, e verdadeiros g~enios da música. Os atuais, como você disse, são produtos das gravadoras.

    Abraço, e parabéns pelo texto!

    ElvisWollinger
    http://elviswollinger.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Na era da internet onde com a mesma rapidez q se aparece um "artista" no youtube desaparece tb,a concorrencia é grande "artista" virou igual jornal o de hoje já nao presta pra amanha

    ResponderExcluir
  5. Hum... É insuportável ver televisão hoje em dia e ver os cantores para min um mais pior do que ou outro ou um normal que não tem nada para chamar minha atenção.....

    ResponderExcluir
  6. Olá, muito interessante seu blog! Gostei muito, estou te seguindo, se der visita o meu, seja meu seguidor e amigo...bjs

    http://odiariodaborboleta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Detesto modinha. Principalmente essas músicas feitas para adolescente. O que me consola é que a moda acaba. O que me assusta é que sempre vem coisa pior.

    ResponderExcluir
  8. Isso é natural. Com a evolução da tecnologia, com a globalização, tudo se tornou mais rápido. Antigamente existiam poucos artistas, hoje em dia, todos querem ser. E todos querem ser na marra.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Acredito que haja uma explicação pra isso: o primeiro CD "sempre" é bom, mas depois existe uma pressão para que o segundo seja tão bom quanto o primeiro.

    O que falta são artistas de verdade, músico não é artista só porque faz música. Arte é algo que brota, que geme em dores de parto, não aparece quando você quer, não aparece quando se tem prazos a cumprir. Eu tenho a teoria de que criar sobre pressão causa um bloqueio, fazendo com que tudo que saía disso seja descartável, portanto, passageiro!

    Agora, quanto a bandas que se sustentam em outra coisa que não seja a sua música, esses serão extinguidos e NUNCA mais aparecerão! Amém...


    ____________________________________

    ResponderExcluir
  11. Seu blog está ótimo, tudo de muito bom gosto e qualidade.
    Estou seguindo, e sempre que puder volto para comentar.
    Espero você no Um Pouco Sobre Isso!
    Siga-nos ;D
    www.umpoucosbreisso.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Pois éa artista e que nem jornal , nao era como antigamente

    ResponderExcluir
  13. Bom as músicas de hoje estão fazendo copias de músicas antigas como Lady Gaga que copiou MA MA MA MA de uma musica disco e o resto de Madonna ,mas eles não dão valor tanto ao músico quanto para quem ouve como os antigos davam porque não tinha liberdade para se espessar junto com seus fãs militantes e juntos como é o caso de Madonna que como antigamente tinha tabu (e hoje ainda tem) sobre sexo Madonna quebrou tabus de homossexual, religião, estilo de vida e por isso que não dar certo hoje porque as músicas antigas mais pessoas se identificam e viram fã por causa disso e hoje só é cantor sem coragem de fazer o que Madonna e Michael Jackson e outros antigos fizeram... Hoje vemos só de amor, relacionamento, uma música sem identificação ou se não no lado primitivo do ser humano de ir logo no "coloca a xana no chão" por isso é temporal isso e quem continuar nem ligará para isso porque nunca ficará marcado isso... Bom espero que esse comentário ajude aos leitores de seu blog perceber o porque como seu texto falar não existe o artista feijão....

    ResponderExcluir
  14. Parabéns pelo blog está ótimo e inclusive a propaganda do cabeçalho...

    ResponderExcluir
  15. Me incomoda esta busca frenética por modismos que a mídia musical acaba trazendo... falta movimento, qualidade e bons trabalhos...

    ;D

    ResponderExcluir
  16. ótimo assunto a ser tratado.
    hoje em dia, falta artistas de qualidade, que tenham autenticidade, por isso, são tão facilmente descartados...

    http://diariodagarotadevariasfaces.blogspot.com/
    visita o meu blog? me dá esse prazer ;)

    ResponderExcluir
  17. Falta muita coisa a esses "artistas' musicais , de talento á postura em todos os sentidos , Cada vez mais egocêntricos .
    http://andyantunes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. Falta talentos na musica, aparece um bom artista aqui outro ali, mas que ta mesmo na midia sao os filhos de algum outro artista que ja fizeram sucesso. estamos carentes de grandes artistas, eu parei de ouvir musicas por que to cansado de ouvi sempre os grandes artistas da geração passada.

    Um Abraço

    http://paulosergioembuscadotempoperdido.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Acabou. Não o talento, mas o uso dos legítimos. Hj vc tem uma estratégia sobre o que funciona baseado na fórmula do que funcionou antes. Não em relação apenas à música, mas todo tipo de expressão; filmes, desenhos animados. Volta e meio topo com blogs onde um cara tem uma banda A ou B e quando paro pra ouvir (do mesmo modo que paro pra ler o texto todo de todo blog que visito embora saiba que a maior parte não faça isso de verdade) me surpreendo com a qualidade de quem faz com coração e tem esperanças... mas que provavelmente nunca vamos ouvir a músic a dele tocando numa rádio. Talento falta não. Oportunidade legítima falta e muito. Pena.

    ResponderExcluir
  20. Concordo com tudo o que você falou!
    http://lollyoliver.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  21. Amei o blog, super interessante! Concordo com esses artistas de plásticos. A colocação "prazo de validade" explica perfeitamente a situação;
    Seguindo. Se poder, visita la.
    Abraços.
    Diogopensamentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. e a pura verdade.. ten artistas q lancan 15 o mais cds.. e ainda fazen sucesso... agora ja e uma raridade isso..

    ResponderExcluir
  23. Não sou muito de comentar em sites, porque sempre tem uma avalanche de comentários sem nexo. Mas, quero parabenizá-lo pelo seu trabalho de informação e não de sensacionalismo.Tenha um bom dia.

    ResponderExcluir
  24. só para constar, tem muito internauta aqui q precisa estudar português até quase morrer,meus olhos sangram ao ler alguns comentários,e eu acho, que para uma geração q não sabe escrever direito e nem se expressar com clareza, o que tem feito sucesso na mídia é condizente com a realidade, além da falta de talento dos "artistas" é preciso também cada um olhar para o próprio umbigo e ver q eles são uma reflexão da imbecilidade geral de uma geração q encara o mundo de forma muito superficial também. Os artistas são relfexo de sua geração,toda forma de arte é!!! e a geração atual é tão descartável como os produtos de mídia.

    ResponderExcluir
  25. Concordo plenamente com a sua opinião, está faltando no mercado musical atual artistas que realmente façam a diferença. Eu tenho um blog sobre música se quiser dar uma olhada o link é http://estimulo-sonoro.blogspot.com.br/. Agradeço desde já, se puder visitar minha página.

    ResponderExcluir
  26. Como apreciador de musica, eu discordo do seu ponto de vista em partes. Sim vários artistas lançam um primeiro álbum bom e o sucessores nem tanto. Mas, quanto tempo esse artista ficou refinando essas musicas? O quanto a mídia ficou martelando aquelas musicas na cabeça das pessoas?
    Bom, depois do sucesso, ele faz um contrato com uma gravadora conhecida, por isso, essa gravadora força a barra por um novo disco pra compensar o investimento, resultando numa qualidade inferior. Entra nessa brincadeira arranjadores, letristas e toda a parafernália burocrática imposta no contrato. Os próprios consumidores tem sua parcela de culpa, já que a voracidade por algo novo, atropela os já existentes.

    ResponderExcluir